Encontradas moedas de ouro romanas equivalentes a mais de um milhão de euros

 

Uma barra de ouro e mais dois objetos, ainda desconhecidos, também surgiram durante escavações

Durante os trabalhos de escavações sob o antigo teatro Cressoni, na província de Como, na Itália, operários desenterraram uma ânfora repleta de moedas de ouro. Segundo as primeiras informações, o vaso contém cerca de trezentas moedas, além de alguns objetos e uma pequena barra de ouro, perfeitamente conservados, sendo considerados um dos mais valiosos achados arqueológicos de todos os tempos.

A ânfora, que permaneceu intacta por séculos, apresentou uma rachadura durante a escavação, por onde exatamente puderam ser vistos os tesouros romanos. Os primeiros extratos foram levados para o laboratório de restauração Mibac, em Milão, para análise que deve ser realizada com o máximo de cuidado, a fim de que o conteúdo não seja danificado.

O ministro dos Bens Culturais, Alberto Bonisoli, declarou que a escavação deve continuar. “Podemos ter encontrado um depósito público do quinto século”. Para os historiadores se trata de um achado muito importante, de altíssimo valor econômico, provavelmente superior a milhões de euros.

“Com certeza são moedas de período romano” – declarou o presidente da Sociedade Arqueológica de Como, Giancarlo Frigerio. Conforme primeiras análises, os repertos são datados do período romano tardio ou bizantino, no máximo pertencentes ao ano 474 d.C. Devido ao seu grande valor, é pouco provável que o achado pertencesse a uma única pessoa, podendo ser um antigo caixa público, conforme também explicou Grazia Facchinetti, responsável pela análise do reperto.

Intacta
Durante os trabalhos, a ânfora estava intacta, mas sofreu uma rachadura pela qual foi possível ver seu conteúdo repleto de moedas de ouro do séc. V d.C Foto: Lumsa News

 

Moedas de Ouro romanas
As moedas foram expostas na sede da Superintendência Arqueológica. Foto: ANSA / MATTEO BAZZI

Descobertas na semana passada, as moedas continuam sendo analisadas no laboratório Mibac por arqueólogos e restauradores. Ao todo, foram extraídas somente 27 moedas, cada uma com cerca de 4 gramas de ouro. No momento, também se pode afirmar que elas foram cunhadas no período dos imperadores Flávio Honório, Valentiniano III, Leão I e Lívio Severo (séc V d.C).

 

Fontes:

https://edition.cnn.com/style/article/roman-gold-coins-italy-cressoni-theater-trnd/index.html

https://milano.corriere.it/notizie/cronaca/18_settembre_07/como-trovato-sottoterra-tesoro-oltre-milione-euro-trecento-monete-d-oro-riemerse-un-anfora-d-epoca-romana-99a697ca-b27f-11e8-af77-790d0c049f1d.shtml

https://milano.corriere.it/notizie/cronaca/18_settembre_10/como-tesoro-monete-oro-romane-bonisoli-scoperta-teatro-cressoni-scavi-ritrovamento-rinaldi-6b9b0d96-b4e3-11e8-9795-182d8d9833a0.shtml?refresh_ce-cp

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s